X hits on this document

PDF document

Diretoria de Avaliação e Planejamento-DAP/PROPLAN - page 3 / 17

46 views

0 shares

0 downloads

0 comments

3 / 17

PLANO DE AÇÃO INSTITUCIONAL 2011

  • 1.

    Introdução

    • O

      Plano de Ação Institucional da UFPE, para o ano de 2011, se baseia na proposta de gestão para o

quadriênio 2008-2011 de sua administração central, que consiste em avançar nos princípios que a têm norteado desde o período anterior, a saber: democracia, qualidade e compromisso social.

Esse quadriênio tem sido marcado por: (a) consolidação dos projetos de interiorização (Caruaru e Vitória); (b) realização de investimentos na expansão e melhoria da qualidade da graduação (REUNI); (c) ampliação do programa de assistência estudantil (funcionamento do restaurante universitário, ampliação das residências estudantis e expansão das bolsas estudantis); (d) recuperação e aumento da infra-estrutura da pesquisa, com a implantação de projetos estruturadores (recursos CT-Infra e Petrobrás); (e) crescimento e melhoria da qualidade da pós-graduação; (f) expansão da cooperação internacional; e (g) consolidação de políticas voltadas para o desenvolvimento local sustentável com uso de tecnologias sociais.

As principais referências do Plano de Ação Institucional 2011 são os seguintes documentos: (a) Plano Estratégico Institucional UFPE 2013; (b) proposta de gestão da Administração Central 2008-2011; (c) Plano Plurianual de Ação 2008-2011 do Governo Federal; (d) Relatório de Gestão 2009 da UFPE; (e) Plano de Ação Institucional da UFPE 2009; e (f) Plano de Desenvolvimento Institucional 2009-2013.

  • O

    presente documento se divide da seguinte forma: na segunda seção apresenta-se a evolução do

Orçamento do Governo Federal para a UFPE, de 2004 a 2011, e o Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) de 2011. Na terceira seção apresentam-se as Opções Estratégicas do Plano Institucional da Universidade. A quarta seção traz o Plano de Ação Institucional propriamente dito da UFPE para o ano de 2011, apresentado de forma resumida, dando-se destaque para a evolução dos Projetos de Interiorização e REUNI.

2. O Orçamento da UFPE

Três subseções compõem esta seção: a primeira em que se apresenta a evolução do orçamento da UFPE, entre os anos de 2004 e 2011; a segunda em que se comparam as propostas orçamentárias de 2010 e 2011; e a terceira em que se apresenta o Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) do Governo Federal de 2011 para a Universidade Federal de Pernambuco, de forma detalhada.

    • 2.1

      Evolução do Orçamento da UFPE

      • O

        orçamento da UFPE tem evoluído no decorrer do tempo; a TABELA 01 traz alguns números desta

evolução, para recursos do Tesouro e para recursos próprios. Considerando-se os valores do Tesouro executados pela UFPE para o período entre 2004 e 2009, os valores da LOA para 2010 e os do PLOA para 2011. De R$368,5 milhões em 2004 para R$654,8 milhões em 2009, registra-se um aumento de quase 80%, em termos nominais, da despesa realizada pela UFPE.

Entre os anos de 2006 e 2011 destacam-se os aumentos dos recursos destinados ao pagamento de inativos e pensionistas; a inclusão do Programa de Apoio Administrativo de assistência médica e odontológica aos servidores a partir de 2008; e o aumento do apoio ao funcionamento dos cursos de graduação no Programa Brasil Universitário. Outras ações também tiveram grandes ganhos no período, mas seus valores significam pouco no contexto geral do orçamento da UFPE, a exemplo dos recursos destinados ao Colégio de Aplicação que aumentaram em mais de 500%. Em 2005, parte do aumento se deveu à remuneração dos servidores técnico-administrativos (enquadramento) e a contratações de TA’s e professores.

2

Document info
Document views46
Page views46
Page last viewedSat Dec 03 18:05:20 UTC 2016
Pages17
Paragraphs1001
Words5908

Comments