X hits on this document

287 views

0 shares

0 downloads

0 comments

77 / 94

GUIA DE ESTUDOS PARA O CONCURSO DE ADMISSÃO À CARREIRA DE DIPLOMATA

dos membros do CSNU. Uma “quick fix” seria a mera inclusão do Japão e da Alemanha, perdedores da Segunda Guerra, mas países que se tornaram, respectivamente, a segunda e a terceira economia do mundo e contribuidores de relevante percentagem do orçamento da ONU. Essa proposta encontra resistência da Itália, no entanto, excluída do principal núcleo de influência regional. Na Ásia, a China não deseja ter o poderio compartilhado com o Japão, pelo que se observa, portanto, claro impasse.

Uma agenda de reforma mais abrangente seria a de Razali Ismail, que já foi presidente da Assembléia Geral, na qual há a proposta de inclusão de mais 5 membros não-permanentes e de 5 membros permanentes, que seriam a Alemanha, o Japão, um país da África, um país da Ásia e um país da América Latina. O problema, outra vez, são as barreiras regionais, pois, normalmente, mais de um país da região tem proposta de ascensão ao CSNU, a exemplo da América Latina, onde Brasil, Argentina e México disputariam um assento disponível. São empecilhos, ainda, a ausência de concordância quanto às novas funções a serem desempenhadas por cada órgão e quanto ao número de países com poder de veto.

São inúmeras as propostas de reforma, já que cada país com alguma expressão regional ou mundial satisfar-se-ia com nova projeção de prestígio e de responsabilidade moral perante a comunidade das nações. O Brasil, por exemplo, uniu-se à Alemanha, à Índia e ao Japão (G-4) na defesa de mudança no CSNU e de incorporação ao grupo de países que decidem sobre a paz, a segurança e a promoção do desenvolvimento.

Tem-se por certo que a reforma é inevitável, se quer-se uma estrutura internacional efetivamente legítima e representativa, capaz de assegurar desenvolvimento e paz. A grande incógnita que permanece, porém, é como ela será feita.

*

Document info
Document views287
Page views290
Page last viewedSat Dec 10 15:15:28 UTC 2016
Pages94
Paragraphs1332
Words41002

Comments