X hits on this document

PDF document

Porto Alegre, janeiro de 2006 - page 43 / 82

228 views

0 shares

0 downloads

0 comments

43 / 82

Hélio Riche Bandeira, Mestre em Educação, PUCRS * www.padilla.adv.br/desportivo/artesmarciais * p.43

  • O

    ensino no Colégio Militar tem como meta geral proporcionar a educação integral do aluno,

trabalhando não só o aspecto cognitivo, mas também o afetivo e o social. Deve proporcionar aos jovens uma formação necessária ao descobrimento de suas potencialidades como elemento de auto- realização, qualificação para o trabalho e preparo para o exercício consciente da vida de cidadão, conforme relato descrito na revista Hyloea (1998, p. 16-17):

A educação integral e a era do conhecimento impõem aos Colégios Militares: permitir ao aluno desenvolver atitudes e incorporar valores familiares, patrióticos e sociais que lhe assegurem um futuro de cidadão cônscio de seus

deveres, direitos e responsabilidades, qualquer que seja o campo profissional de sua preferência;

facilitar ao aluno a pesquisa incessante de informações relevantes; desenvolver-lhe visão crítica dos fenômenos

políticos, econômicos, históricos, sociais e científicotecnológicos, ensinar-lhe pois, a aprender para a vida e não mais

para fazer provas; capacitar o aluno à absorção de pré-requisitos fundamentais ao prosseguimento dos estudos acadêmicos e não de conhecimentos supérfluos que se encerram em si mesmos; e estimulá-lo ao desenvolvimento físico e à prática habitual do esporte. Ao deixar o Colégio Militar o aluno será consciente de que é responsável por seu auto- aperfeiçoamento e estará preparado para vencer emqualquer atividade profissional que escolher.

Neste contexto os professores atuam como facilitadores da aprendizagem e tornam-se os principais incentivadores da busca do conhecimento por seus alunos. Portanto, é indispensável que estejam plenamente comprometidos e engajados com a proposta pedagógica e sejam cúmplices deste processo de aprendizagem.

Na busca da educação integral em consonância com o mundo atual, o Colégio oferece diversas atividades extras curriculares como o Projeto Interdisciplinar, no qual os alunos aprendem a reconhecer as diversas disciplinas como instrumentos para a compreensão domundo que os cerca, o Projeto de Desenvolvimento das Potencialidades, o Projeto de Coleta Seletiva de Lixo, a Hora da Arte, entre tantas outras atividades. Fica assim evidente, que a proposta pedagógica do Colégio Militar está em perfeita sintonia com as necessidades educacionais do mundo de hoje.

A Educação Física no CMPA

  • O

    Colégio Militar de Porto Alegre na sua primeira etapa de funcionamento, do período e 1912 a

1939, era destinado exclusivamente ao segmento masculino e tinha sua educação ministrada em dois cursos. Um curso chamado de Adaptação, que corresponderia ao ginásio, e outro denominado Secundário (correspondente ao científico). As disciplinas destes cursos encontravam-se distribuídas em matérias do ensino teórico, ministradas no turno da manhã, e matérias do ensino prático, ministradas no turno da tarde.

As atividades do ensino prático se constituíam de atividades físicas e instruções militares, conforme relata Pineda (2003, p.35), “faziam parte do ensino prático do Curso de Adaptação: ginástica, natação, equitação, velocipedia, recreio, jogos e instrução militar.

Para o curso Secundário, os conteúdos do ensino prático eram: ginástica, natação, recreios,

e s g r i m a e i n s t r u ç ã o m i l i t a r .

Neste período predominava a calistenia e os instrutores do ensino prático não eram professores, mas sim militares de baixa patente (em geral, sargentos) que se responsabilizavam pela instrução militar dos alunos. No entanto, até o momento, ainda não se conseguiu encontrar a forma como essas atividades eram avaliadas.

Document info
Document views228
Page views228
Page last viewedFri Dec 09 12:02:11 UTC 2016
Pages82
Paragraphs1591
Words42749

Comments