X hits on this document

64 views

0 shares

0 downloads

0 comments

10 / 22

orientadas para os mesmos fins, apresentam estruturas diferentes, e outras que têm estruturas semelhantes, têm fins diferentes.

Uma organização é um grupo estruturado de pessoas reunido para atingir um conjunto de objectivos que um indivíduo sozinho não seria capaz de atingir. Também podemos dizer que uma organização é a totalidade, parte ou combinação de uma companhia, corporação, firma, empreendimento ou instituição com funções ou administração própria, e com um ou mais objectivos finais em comum, como é o caso dos hospitais, indústrias, bancos, escolas, etc.

As organizações e os modos de as gerir vêm de longe na história e até ao século XX observa-se a herança de práticas administrativas e não tanto o pensamento administrativo que começou então a surgir como conhecimento abordado por diversas escolas de pensamento desenvolvendo a Teoria das Organizações. Cada uma dessas abordagens lida com cinco variáveis prioritárias: tarefas, estrutura, pessoas, ambiente e tecnologia.

As organizações podem ser divididas em dois modelos diferentes e opostos: mecanicistas e orgânicos4.

As organizações tipo mecanicistas caracterizam-se por:

Maior adesão à cadeia de comando

Divisão funcional do trabalho

Natureza altamente especializada de cada tarefa

Utilização da hierarquia formal para a coordenação

Descrições detalhadas das tarefas

Tendência para a interacção entre os empregados ser vertical.

Tendência para as operações e o comportamento no trabalho serem governados pelas instituições e para as decisões serem impostas por superiores.

As organizações tipo orgânicas caracterizam-se por:

Pouca preocupação em aderir à cadeia de comando

Divisão do trabalho mais realista

4 Burns e Stalker

Vítor Vaz da Silva – Sistemas de Informação – UCP – 200610

Document info
Document views64
Page views64
Page last viewedSat Dec 10 21:05:47 UTC 2016
Pages22
Paragraphs270
Words5982

Comments