X hits on this document

561 views

0 shares

0 downloads

0 comments

154 / 214

Momento num café

No meio destes, o sujeito lírico oculto separa um com quem irá identificar-se e desloca-o daquele universo comum onde todos se encontravam, o que permite a nós, leitores, conhecer a reflexão que ele fará sobre a relação vida/morte. Os homens que vêem o o cortejo fúnebre passar agem de modo mecânico, saudando o morto sem se dar conta do significado da morte. Um dos indivíduos, porém, contempla longamente o caixão porque sabe que “a vida é uma agitação feroz e sem finalidade” e que a morte é a libertação final da matéria.

Document info
Document views561
Page views561
Page last viewedThu Dec 08 16:12:17 UTC 2016
Pages214
Paragraphs568
Words15987

Comments