X hits on this document

458 views

0 shares

0 downloads

0 comments

45 / 214

Carnaval

Este Carnaval, que daria a um poeta mais dominado pelas impressões diretas um poema de ação simultânea e geral, tem um caráter fragmentário e analítico, apanhado na complexidade da vida cotidiana; é a história trágica diurna e noturna de todos os vícios e de todas as nevroses, é a sua própria ilusão da alegria; prazeres artificiais, almas postiças, máscaras sombrias dos decadentes e degenerados. E isto é escrito e sentido de tal forma sutil que muitas composições do livro parecem fugir a esta perspectiva, tão, aparentemente, dispersiva é a natureza dos assuntos.

Document info
Document views458
Page views458
Page last viewedFri Dec 02 18:40:43 UTC 2016
Pages214
Paragraphs568
Words15987

Comments