X hits on this document

592 views

0 shares

0 downloads

0 comments

48 / 184

CONSIDERAÇÕES SOBRE A PEREGRINATIO AETHERIAE

on explique facilemente le changement du t em g. Dans le latin vulgaire, on permuta quelque fois ces deux lettres (García, 1910, p. 386).

O erudito jesuíta voltou ao assunto no artigo EGERIA ou AETHERIA? Publicado em Analecta Bollandiana, tomus XXX, 1911, 444-47, em que propões a evolução Aitheria = Eideria = Eiđeria = Eiheria = Egeria.

Rien de surprenant dans ce procédé, qui est em parfait accord avec toutes les règles philologiques.

3º - ENIO ALOISIO FONDA, A Síntese Orgânica do “Itinerarium Aetheriae”, Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Assis, São Paulo, 1966, 190 páginas.

Trata-se de um trabalho que “em sua forma embrionária” serviu de tese de doutoramento em Língua e Literatura Latina na Pontifícia Universidade Católica de S. Paulo em 1961. Rica de informações sobre a Peregrinatio, com o mérito maior de boa documentação colhida no original, a obra deixa-nos, porém, muitas interrogações sobretudo no que se refere ao que o autor chama aspecto “filológico-psicológico-estilístico” da problemática do Itinerarium (p. 99).

Document info
Document views592
Page views592
Page last viewedSat Dec 10 19:14:52 UTC 2016
Pages184
Paragraphs1442
Words33413

Comments