X hits on this document

41 views

0 shares

0 downloads

0 comments

1 / 17

A Doutrina da Perseverança dos Santos nas Epístolas Paulinas

As epístolas do apóstolo Paulo são conhecidas por sua riqueza teológica. Estudiosos de todas as áreas da teologia têm-se esmerado para interpretar e sistematizar o pensamento de Paulo. A proposta deste estudo, sendo exegético-dogmático, dedica-se a verificar se a doutrina da Perseverança dos Santos pode ser encontrada coerentemente nas suas epístolas. Os teólogos e exegetas arminianos defendem que a doutrina calvinista é estranha aos ensinos de Paulo. Todavia, sem forçar uma exegese preconcebida, podemos encontrar, tanto por afirmação direta, como por implicação necessária da lógica, a doutrina de que Deus soberanamente preserva os seus eleitos em graça, e que eles, conseqüentemente, não perderão a sua salvação.

Depois de analisar alguns textos que se referem a doutrina da Perseverança dos Santos escolhi o texto de Gl 5:4. A necessidade de fazer uma exegese em Gl 5:4 se justifica pelo errôneo uso da passagem.

Alguns textos das epístolas de Paulo foram selecionados arbitrariamente para este estudo. Talvez, alguém possa perguntar, por que esta, ou aquela passagem não foi analisada? Não é o propósito, por enquanto, deste artigo esgotar o assunto. Avaliando a relevância das críticas que poderão surgir, haverá a possibilidade de responder as objeções. A proposta deste ensaio é verificar se de fato a doutrina da Perseverança dos Santos pode ser encontrada e defendida no Corpus Paulinum, e para isto algumas passagens serão suficientes.

Exegese em Rm 5:1-5

Em Rm 5:1-5 vemos os resultados que acompanham a justificação. A justificação é o ato forense em que Deus, como juiz declara justo o pecador pelos

Document info
Document views41
Page views41
Page last viewedWed Dec 07 08:35:31 UTC 2016
Pages17
Paragraphs136
Words5210

Comments