X hits on this document

46 views

0 shares

0 downloads

0 comments

10 / 17

dele”) que fomos “selados para o dia da redenção”, aquele grande dia em que todas as coisas serão consumadas, quando, pois, nossa libertação dos efeitos do pecado estará completada.17

O uso da metáfora do selo por Paulo indica a garantia de que a nossa salvação é ininterrupta, pois este selo é inviolável. Acerca da indestrutibilidade deste selo, Anthony Hoekema comenta que “a luz do Novo Testamento, ser selado com o Espírito Santo significa eterna segurança. Assim como ninguém pode nos arrebatar da mão de Cristo ou da mão do Pai, ninguém pode também quebrar o selo do Espírito.”18

O Espírito Santo estará habitando nos crentes até o dia da redenção. Quando houver a redenção final, não haverá necessidade deste selar, pois o seu objetivo terá alcançado êxito.

Exegese em Fp 1:6

Este versículo pode ser identificado como “a perseverança de Deus em nós”. De fato, somente perseveramos, porque Deus persevera em nós. Como Paulo posteriormente afirma que “Deus é quem efetua em vós tanto o querer como o realizar, segundo a sua boa vontade” (Fp 2:13).  É possível estruturar o verso 6 da seguinte forma:

 1.(início) Deus que começou a boa obra [da salvação] em vós;

2.(meio) há de completá-la;

 3.(fim) até o dia [da volta] de Cristo

Este texto de Fp 1:6 é uma das passagens do Novo Testamento em que a doutrina da preservação na salvação como uma obra contínua se encontra com expressa clareza. A idéia de começo, meio e fim numa seqüência ininterrupta na obra da salvação é uma segurança declarada.

17 William Hendriksen, Comentário do Novo Testamento Efésios (São Paulo, Casa Ed. Presbiteriana), p. 276

18 A.A. Hoekema, Salvos pela Graça (São Paulo, Ed. Cultura Cristã, 1997), p. 249

Document info
Document views46
Page views46
Page last viewedSat Dec 10 18:47:36 UTC 2016
Pages17
Paragraphs136
Words5210

Comments