X hits on this document

29 views

0 shares

0 downloads

0 comments

9 / 10

mercado, será necessário entendimento das estratégias disponíveis e um grande esforço para redirecionamento estratégico.

Estes são alguns dos dilemas que as empresas nacionais têm sofrido para poder se adaptar a estas mudanças. Para enfrentá-las, as empresas terão que ter muita “coragem gerencial” para promover enérgicas mudanças estratégicas, tecnológicas e culturais.

Figura 3

MERCADO FARMACÊUTICO BRASILEIRO

ANO

Crescimento

Rentabilidade

Margem das

Número de

Crescimento

de Vendas

do Patrimônio

Vendas

Empegados

Percentual

1997

4,6%

18,3%

5,2%

14.216

1998

6,5%

15,3%

7,5%

13.143

-7,55%

1999

4,8%

15,1%

6,9%

14.248

8,41%

2000

-5,9%

4,5%

1,5%

11.215

-21,29%

2001

-2,7%

7,2%

1,2%

5.872

-47,64%

Fonte: Revista Exame Maiores e Melhores, jullho de 2002 e de julho de 2001.

No item crescimento de vendas, já foi descontado a inflação pela equipe da Revista Exame.

7.REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

BRASIL. Lei no. 9.787, de 10 de fevereiro de 1999. Altera a Lei 6.360, de 23 de Setembro de 1976, que dispõe sobre a Vigilância Sanitária, Estabelece o Medicamento Genérico, dispões sobre a utilização de nomes genéricos em produtos farmacêuticos. Diário Oficial da União, Brasília, p.1 coluna 1, 11 de Fevereiro de 1999.

BRASIL. Lei no. 9.279, de 14 de Maio de 1996. Regula direitos e obrigações relativos a propriedade industrial. Diário oficial da união, Brasília, p.8353 coluna 1, 15 de Maio de 1996.

CBO – The Congressional Budget Office. From the United States Congress. (1998). How increased competition from generic drugs has affected prices and returns in the pharmaceutical industry. Disponível em: http://www.cbo.gov

LISBOA M., FIUZA, Eduardo et al. (2001) Política Governamental e Regulação do Mercado de Medicamentos. Disponível em: http://www.fazenda.gov.br/seae/documentos/doctrabalho/doctrab08.PDF

PORTER, Michael E. (1986) Estratégia Competitiva. Técnicas para Análise de Indústrias e da Concorrência. 18a.ed., Rio de Janeiro, Editora Campus.

Document info
Document views29
Page views29
Page last viewedTue Dec 06 11:26:01 UTC 2016
Pages10
Paragraphs154
Words3108

Comments