X hits on this document

Word document

3. HOMOSSEXUAIS SÃO ATROPELADOS NO RIO - page 12 / 47

159 views

0 shares

2 downloads

0 comments

12 / 47

mas utilizar as leis de 'orientação sexual, gênero, antidiscriminação e antipreconceito' para esmagar os direitos da maioria da população que não aceita a imoralidade dos atos homossexuais." Outra ainda, Sr. Presidente, é extremamente séria e relata o seguinte: "Outros países estão também enfrentando sérios problemas por causa da introdução de favorecimentos ao comportamento homossexual nas chamadas leis de antidiscriminação, antipreconceito etc. No Canadá, a lei proíbe críticas e até mesmo citações da Bíblia contra o homossexualismo em programas de TV, de rádio e nos jornais (...)." E tem mais: um jornal canadense e um cidadão foram multados por publicarem anúncio contendo versículos da Bíblia sobre o homossexualismo. Em Ontário, nos Estados Unidos, a polícia colocou um pastor evangélico sob investigação por crime de ódio e preconceito, simplesmente pela insatisfação de alguns pederastas que não aceitaram o modo como ele defendeu o casamento natural entre homem e mulher numa página da Internet. Em Londres, em novembro de 2003, atendendo à solicitação de ativistas gays, a polícia indiciou o bispo anglicano Peter Forster por crime de preconceito, discriminação e ódio. Seu crime foi ter dito, numa entrevista para um jornal, que os homossexuais poderiam se reorientar. Em 2001, Harry Hammond, pastor inglês, foi surrado por uma gangue de homossexuais simplesmente pelo fato de estar carregando um cartaz incentivando os gays a se arrependerem. Além de apanhar, o pastor foi condenado por incitamento à violência e perturbação da ordem pública. Foi multado em 550 dólares e teve de pagar outros 725 dólares em despesas legais. Em relação aos gays que o agrediram e conturbaram a ordem, nada aconteceu. No dia 8 de julho deste ano a imprensa sueca publicou que as organizações evangélicas suecas protestaram energicamente contra o governo pela decisão das autoridades em mandar para a prisão um pastor evangélico que teve a "ousadia" de pregar sobre o que a Bíblia ensina a respeito da homossexualidade. O pastor recebeu sentença de um mês de prisão apenas por descrever a homossexualidade como "anormal, um horrível tumor canceroso no corpo da sociedade", ao mesmo tempo em que pregava a passagem de Coríntios, Capítulo 6, Versículo 9 - citei-o anteriormente neste meu pronunciamento. Agora, a pior de todas as notícias, Sr. Presidente. Para quem não sabe, a partir de 1º de setembro de 2004, todo e qualquer cidadão espanhol tem, por lei, o direito de andar nu pelas ruas da cidade de Barcelona. Foi uma decisão da prefeitura local, que poderá ser estendida para todo o país, conforme as leis espanholas. Poderia fazer outras dezenas de citações, mas não vale a pena. Todas, sem exceção, são de deixar qualquer cidadão de bem abraçado com a tristeza e a indignação. Indago outra vez a V.Exas.: queremos isso para o nosso Brasil cristão e ordeiro? Creio que não. Se essa minha pergunta atingisse os 180 milhões de brasileiros neste preciso momento, a resposta deixaria esse movimento, seus participantes e os que o apóiam profundamente envergonhados e decepcionados. Infelizmente, Sr. Presidente, os fatos comprovam que, no Brasil, a contaminação já se fez e um processo infeccioso já se alastrou para setores importantes de nosso Poder Central e fora dele. É preciso que se diga também que aqui mesmo, nesta Casa - onde neste momento estou a contar sobre atos condenáveis ocorridos em outras nações -, os mesmos pecados são cometidos. Não são poucos, e todos nós sabemos, os projetos de leis que aqui tramitam e que têm como propósito apoiar e/ou criar programas em favor de movimentos do mesmo naipe e estirpe desse abominável Programa Brasil Sem Homofobia. O pior é que não raras vezes esses projetos tramitam com rapidez admirável; também não raramente em detrimento de centenas de outros em favor do povo e de suas maiores aspirações.

Quantos projetos de extraordinário conteúdo e urgentes para o povo estão dormindo nas gavetas da burocracia desta Casa?

Por tudo isso é que faço este alerta. É por tudo isso, também, que fico assim tão revoltado e indignado e, sem receios, bato firme e forte contra tanto apoio e incentivo ao que comprovadamente é aberração, é nefasto, não é natural e é contrário às leis humanas e divina. A serpente maligna espreita nossas defesas e se prepara para o bote final. Lá fora, onde começou esse famigerado movimento, as feridas da epidemia já são muitas e vacina não existe. Não posso cruzar meus braços, enquanto vejo a caravana da desgraça semear a erva danosa que destruirá os valores morais e éticos de meu indefeso povo. Ao menos meu grito ficará como prova de minha luta. Não compactuo com a desgraça e acuso de coniventes com o mal todos aqueles que, nos citados Ministérios, na Presidência da República, nos Governos Estaduais, em Prefeituras, nas universidades e em outros órgãos do Poder Público, contribuíram para a publicação desse nefasto Programa Brasil Sem Homofobia. Que Deus, em sua infinita grandeza e compreensão, ilumine essas mentes pervertidas, fazendo-as retornar ao caminho do bem e ao perfeito e sadio convívio social. A esses, que considero cegos de compreensão e nulos em sabedoria, elevo minhas preces e peço de coração: Senhor, não permita que essas pessoas persistam pelo caminho que deságua no fosso da perdição. Mostrai-lhes, ó Senhor, o sagrado e único caminho da salvação, fazendo-lhes retomar a consciência de que seus corpos são santuário do Espírito Santo e que somente assim a vida prospera e tem significado. Amém.  Era o que tinha a dizer. [Fonte: Josean - DiveRRsidade - Boa Vista/RR e  BrasilNorte - www.brasilnorte.com.br, Boa Vista/RR, 12/09/2004]

5. DOCUMENTO DA ONU PODE SER DESRESPEITADO

A Resolução sobre a inclusão do termo Orientação Sexual nos documentos da ONU, vem sendo bombardeado no Brasil, o Governo Lula está sofrendo pressão de diversos setores conservadores para que retire a proposta. A ABGLT Orienta suas Ongs filiadas e parcerias que mantenham a pressão sobre o Governo Lula e enviem fax, e-mail de apoio ao Presidente Lula.

[Fonte: ABGLT - www.brazilianresolution.com, Brasília/Df, 4/4/2004]

6. DEPUTADO DESRESPEITA LEI E DISCRIMINA GAYS

Document info
Document views159
Page views162
Page last viewedWed Dec 07 23:06:29 UTC 2016
Pages47
Paragraphs457
Words45288

Comments